Leituras divertidas

Ler notícias mostra-se, de vez em quando, muito divertido. Uma delas diz que o Buscaé está processando o Google por "por promover demais o Google Shopping nos resultados das buscas.". Não é pra rir não, é sério. O Google tem o shopping dele mas não pode promover porque o Buscapé - empresa famosa por não pagar aos afiliados -, está se sentindo prejudicada.

Leram 'A Privataria Tucana"? Leiam. É aquilo que todos nós já sabemos, só que com todos os detalhes.

"Samoa decide "pular" dia 30 de dezembro e antecipa Ano Novo". Quem estiver ansioso pelo Ano Novo é só ir pra Samoa.

E a do Adriano com as "mocinhas"? São notícias assim que...

Pra arredondar e encher mais o nariz de palhaço de todos nós:
"Copa: R$ 4 bilhões do FGTS serão investidos em obras de transporte". Será que eles lembram que FGTS quer dizer "Fundo de Garantia do Tempo de Serviço"? É do Trabalhador; não é dinheiro "do governo" pra ele fazer o que bem entender. Pra quem leu "Privataria Tucana", que mostra bem para o que serve os fundos de pensão, de aposentadoria e afins (pra quem não leu: esses fundos são caixinha para os marginais da política e seus laranjas disfarçadas de "utilidade ao trabalhador".)

A propósito, já leram "A Privataria Tucana"?
Não, não conheço nem estou ganhando nada do Amaury mas que o livro é bom, é. Li tudo de uma vez, sem parar pra respirar. A narrativa prende a atenção. A tempos eu não lia um livro tão bom assim, independente de ser algo de interesse de todos nós - brasileiros. O livro é facilmente encontrado em versão pdf na internet. É só colocar no Google o título do livro. Pode dispensar aqueles inks que direcionam para páginas de bobagens e armadilhas virtuais, tem muitos links de "boa vontade" que direcionam direto ao livro, sem maracutaias tucanas.

"Cássia Eller: há 10 anos morria a cantora dos peitos de fora". Com tantos adjetivos e características da Cássia, escolheram logo os peitos? Vi os peitos e algo mais da Xuxa, da Dercy Gonçalves, das mulheres frutas, de algumas "santas" e é justamente com os peitos da Cássia que vão se preocupar em manchetear? Que falta de imaginação!

"Cristãos da Nigéria prometem resposta a ataques de islâmicos". Cristãos mesmo? Será?

Homem-gansa? "Piloto em ultraleve confundido com mãe é seguido por gansos". Foi parar no Youtube.

Nesta eu não achei graça nenhuma: "Virada do ano pode ser debaixo de chuva no Rio e em São Paulo". Ô, São Pedro, que sacanagem!


Essa foi só pra encher linguiça. :)

Boas entradas e um excelente 2012 a todos.

Que bonitinho o cartão do CNFCP!

Olha que cute-cute o cartão de boas festas do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular.


Super criativo. :)


Cezar Peluso deve ser um frouxo...

É tão descarado...


Na notícia sobre "Após pressão da cúpula do PMDB, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Cezar Peluso, autorizou o pedido do peemedebista Jader Barbalho (PA) para tomar posse no Senado.", no site do CNJ.

"No encontro da cúpula do PMDB com Peluso, após conversarem sobre o caso de Jader, os congressistas passaram a tratar de outro tema, desta vez relacionado a um pleito do ministro: o aumento salarial para os servidores do Judiciário."

"A decisão de Peluso ocorreu um dia depois de ele receber uma comitiva formada pelos senadores Valdir Raupp (RO), Romero Jucá (RR) e Renan Calheiros (AL) e pelo deputado Henrique Eduardo Alves (RN), todos do PMDB.

A Folha apurou que o ministro chegou a receber pedidos diretamente do presidente do Senado, JOSÉ SARNEY (PMDB-AP), e do vice-presidente da República, Michel Temer, também da sigla."

"Diversos projetos tramitam na Câmara propondo reajustes. A proposta para os servidores é de mais de 50% de aumento em seus salários."

Grifos meus.
Esse Cezar Peluso deve ser um frouxo...

Férias

Final de ano, época de balanços e relatórios. Todos elaborados e entregues.

Agora é minha hora. Não adianta telefonar, mandar e-mails e torpedos, implorar, se ajoelhar, suplicar. Estou de férias absolutas até 31/01/2012 e férias relativas até março; três meses de férias.
Fevereiro retorno bem devagar e em março entro no ritmo normal.

Bjs carinhosos

A responsabilidade com o próprio Nome Próprio


Quantas vezes ouvia de minha mãe, tios, avós e professores sobre a delicada questão do nome. Não me refiro à escolha do nome na carteira de identidade nem no nome como alguém de importância na vida pública e/ou profissional. Refiro-me ao carinho que se deve ter com o próprio nome, a preservação de si.

É o nome que deixamos de herança aos nossos filhos, sobrinhos, netos e amigos. Com certeza, já ouviram alguém dizer frases como "O João, filho da Antônia da igreja" ou "A Maria é aquela que falou que não tinha estudado pra prova" ou algo similar. O nome traz um sacolão preenchido com caracerísticas nossas, no ato de pensar, falar, agir, viver, habitar, interagir e todos os verbos possíveis.

Pode parecer bobagem ou coisa pequena. Pra ilustrar o tamanho da nossa responsabilidade frente a questão:

"Não importa onde eu vá, mesmo na Suíça, na Índia, em qualquer lugar. Numa ilha, na Austrália, serei sempre prisioneira política do nome de meu pai" - palavras de Svetlana Stalina, filha do ditador Stalin.

Tivesse Stalin pensado na herança que seu nome deixaria, teria agido da mesma forma? Sendo egoísta, provavelmente sim. Pessoas com essa falha de personalidade não têm por hábito pensar nas consequências negativas que elas podem provocar a partir das mais simples escolhas. Quando pensam, afastam o pensamento com a conclusão de que "tudo sairá bem desde que eu esteja bem" ou "vão me entender". Inconscientemente, esses pensamentos trazem embutidos uma outra mensagem: "Danem-se os outros!", o que acaba acontecendo de fato.


A maternidade abre um vasto campo de reflexões à mente da mulher. Foi a certeza de ter um ser na barriga que me fez pensar no peso das nossas ações frente ao nosso nome. No decorrer dos nove meses de gravidez transformei-me em outra pessoa e a cada evolução deles sou naturalmente atraída para minhas próprias melhorias.

Tenho visto uma série de consequências por causa de uma péssima escolha feita por alguém próximo a nós. A questão do nome é bem mais sério do que parece, está longe de ser insignificante. Lutar e agir para suprir as necessidades e realizar desejos é algo que devemos a nós mesmos mas não dá pra sair agindo como um(a) ditador(a), achando que tudo se resolverá mais à frente porque a bola de neve é enorme e perigosa.

Bjs carinhosos
Elida

Essa tal privacidade, que eu não abro mão

De um lado, a Microsoft apoiando um projeto que autoriza os EUA a retirar qualquer conteúdo ar. Do outro, a deusa das pesquisas, Srtª Google brigando pela liberdade. E entre a vírgula e o ponto, mais notícias sobre a privacidade (ou não) do Facebook.

Sou contra fechar perfil porque bate de frente com o objetivo principal da rede social. Fosse pra ter contato só com quem conhecemos pessoalmente não haveria necessidade de rede social, tudo se resolveria com bons e longos papos telefônicos ou na beira da praia. Os administradores das redes conhecem bem a necessidade que o homem comum tem em se expressar e interagir com outros, até com quem não conhece. No caso dos brasileiros, carentes crônicos por atenção, a internet é um paraíso quando se trata de obter dados de terceiros. Puríssima bobagem se cercar, trancar, esconder. Inúmeras histórias mostram que de nada adiantam os recursos de privacidade.

Sobre redes sociais, tenho minha própria filosofia limitadora: "Participar de uma rede social é como habitar uma casa sem paredes."

A preservação dos dados pessoais é fundamental. Ninguém precisa saber com quem ando ou quem estou, se minha cara é assim ou assado, se sou gorda ou magra, alta ou baixa, loira ou morena, solteira ou viúva, se estudo aqui, se trabalho ali, se cursei faculdade ou se parei no ensino fundamental. Os que me conhecem têm acesso à minha vida e saberão minha biografia e meu currículo. E os que não me conhecem não precisam saber de tantos detalhes da minha vida - não tenho carência emocional nem necessidade de me expôr. Estou mais pra anticarente, chego a ser meio paranóica com Facebook e afins. Às vezes me distraio e confirmo presença em eventos e logo depois fico preocupada porque estou divulgando qual dia e em que horas estarei aonde. Evito de falar com meus filhos e contatos amiúdes em murais de amigos que adoram postar o que estão fazendo, com quem, aonde e como. Fico controlando a vontade de passar um alerta privado aos adolescentes quando vejo eles postarem fotos na porta da escola ou com os uniformes: não falou mas mostrou um dado pessoal.


E a prática do facebook, em permitir que os membros sejam adicionados a grupos sem que a autorização tenha sido concedida? É até uma grosseria, pura falta de educação; os membros devem ser consultados antes porque essa prática fere a liberdade de escolha.

No geral, as redes são muito 'produto de massa' pro meu gosto, próprias mais pro povão e pros manipuláveis que não tem o que fazer ou não tem grana pra aproveitar a programação cultural da cidade. CCBB, CCJF e BNDES são repletos de bons programas gratuitos, ainda que de vez em quando apareça alguma peça ou cantor de qualidades duvidáveis.


Não, a solução não é cercar. É aprender a lidar com as redes e deixar pra colocar o papo em dia para o telefone e para o encontro cara a cara. Fotos da turma, da viagem, das festas? Manda por e-mail...

Bjs carinhosos
Elida

Os pontos de referência

Recebi a pouco no e-mail uma lista com os dez nomes mais "comuns", encabeçada por Maria e José.

Os pais quando escolhem Maria e José estão homenageando a Sagrada Família, portanto, Maria e José não são "nomes comuns". É que Maria e José, pais do Menino Jesus, são as "celebridades" mais homenageadas no Brasil.

Ainda sobre a lista... Não é que a Josefa aparece, lá na 31 colocação? Quem diria!... O que tem a Josefa? Não estou a fim de contar. Bjs especiais a todas as Josefas.

Percebi um detalhe na lista também: só tem dois nomes femininos - Maria e Ana. Deve ser por este motivo que inventaram a expressão "os homens são todos iguais". A lista confirma o senso comum:

     1. MARIA (13.356.965 de pessoas)
     2. JOSÉ (7.781.515)
     3. ANTONIO (3.550.752)
     4. JOÃO (2.988.744)
     5. FRANCISCO (2.242.146)
     6. ANA (1.996.377)
     7. LUIZ (1.541.895)
     8. PAULO (1.416.768)
     9. CARLOS (1.384.201)
     10. MANOEL (1.334.182)

Falando em dias especiais, hoje é o aniversário do meu primeiro namorado, quando eu tinha 11 aninhos. Lembro ainda do cheiro que exalava da pele do Celso... AFF! Ficaram pra trás alguns muitos anos mas para meu olfato ele continua sendo a pessoa mais cheirosa. Parabéns pelos 55 aninhos, Celso. Que Papai do Céu te abençoe e te dê muita saúde, felicidade e conforto.


Bjs carinhosos
Elida Kronig

"Endereço e CEP"

A redundância explícita do "endereço e CEP" me incomoda.

O CEP guarda logradouro, bairro, cidade e estado. Por que os formulários e fichas pedem "endereço e CEP"? Não poderiam simplificar as coisas e colocar apenas "CEP, nº e complemento"?  Há o argumento, defendido por muitos, de que nomes das ruas são mais fáceis de lembrar que os números dos CEPs. Fosse assim não seríamos uma lista infindável de números: número do cpf, número do rg, número da cnh, número dos celulares de família e o do trabalho, número do pis/pasep, números, números, números...

Bjs carinhosos
Elida

Cachaça, chazinhos, suquinhos e cantoria

Tenho que me mudar pra Belo Horizonte! De cara, escolheria o bairro de Santa Tereza. É muito fofo, colorido, sem prédios altos (nos informaram que é lei: não pode construir prédio de mais de 3 andares), cheio de bares e boemia, berço do Clube da Esquina e por mais um monte de motivos.

Deu vontade de mandar parar o carro, largar a programação e sair caminhando pelas ruas, tentando descobrir todos os detalhes escondidos em suas ruas e casas. Ficou na minha lista de "desejos a realizar". Seguimos pra Belverde, como o programado.

Tivemos um show de aula sobre Belo Horizonte, seguida de uma tarde de comilança, bebilança e cantorias. Até cachaça, que detesto, acabei experimentando de tanto que insistiram que era muito boa e que não era daquelas que eu via por aí. Peguei meio copinho. Na passagem pela garganta, pude confirmar que aquela realmente é muito gostosa, nem fiz cara feia. Não repeti a dose mas bem que deu vontade. Como não estou acostumada, preferi ficar só no primeiro copinho e voltei pros suquinhos, mates, chás gelados e águas minerais.

Cachaça tem seu feitiço no mundo masculino e eles não se demoraram a dedilhar os violões, dando início à cantoria - e que cantoria, valha-me, Deus!

A rodinha se formou logo nos primeiros acordes, quando ainda testavam os instrumentos. Sentamos na grama, alguns deitaram pra ficar mais à vontade (seria efeito colateral da cachaça?). Suspense... Qual viria primeiro no "roteiro"? Cantamos junto e depois de hoje, posso dizer um monte de coisas legais.

No final (ahhhhhhh, acabou?), vieram as meninas da copa nos chamando para o café. Café de mineiro tem de tudo, pena que não temos estômago de elefante. O bolo de milho estava divino, assim como o pão de queijo, os croissants e o iogurte. O bolo de laranja comi de olho, junto com uma fatia grossa de queijo e não me arrependi. E o café.. Bem, sou amante inveterada de café e aquele veio forte, com conteúdo, quase grosso. Foi o melhor café da minha vida, tomei 3 xícaras bem cheias.

A volta foi com faces sorridentes, cada um revivendo seus melhores momentos. Muito bom, tudo foi muito bom.

Belô deixou saudades, muitas saudades. Quando tem mais? Pra voltar pra Belô, estou aceitando convite até pra ajudar a catar coquinhos.

Beijinhos carinhosos a todos
Beijos especiais aos mineiros.

O inferno do spam e as pragas que se utilizam disto

Hoje a minha famosa e reconhecida tolerância extremamente elástica atingiu o limite com os spans dum mala que insiste em usar o formulário da oscip pra ficar enviando spam.

Do cabeçalho MIME, localizei o IP desta maldita criatura e o spamcorp.net me informa que:
SpamCop v 4.6.2.001 © 1992-2011 Cisco Systems, Inc. All rights reserved.
Parsing input: 187.2.245.65
Reporting addresses:
virtua@virtua.com.br

O domínio é inacfx.com.br e pelo whois:
entidade:      Intercomix Inforserv Ltda ME
documento:     055.923.593/0001-50
responsável:   Miguel Soihet
país:          BR
ID entidade:   MIS18
servidor DNS:  ns1.dominios.uol.com.br
servidor DNS:  ns2.dominios.uol.com.br
servidor DNS:  ns3.dominios.uol.com.br
criado:        06/01/2010 #6418838
expiração:     06/01/2013
alterado:      13/04/2010
status:        publicado
ID:            MIS18
nome:          Miguel Soihet
e-mail:        mirrasoi@gmail.com
criado:        13/09/1998
alterado:      11/04/2011

Seguindo as recomendações, mandei a reclamação com o spam pra mail-abuse@cert.br, cert@cert.br. Acrescentei os e-mails spambr@abuse.net, mail-abuse@nic.br, crime.internet@dpf.gov.br, virtua@virtua.com.br


Pelo senderbase.org, vejo que esta criatura, usando o IP 187.2.245.65, está utilizando a conexão "bb02f541.virtua.com.br" e que esta conexão pertence à Vivax S/A.

Network Owner Vivax S/A
Domain virtua.com.br
Date of first message seen from this address 2011-08-09
CIDR range 187.2.0.0/15
# of domains controlled by this network owner 49
Geography data
Country BR
State 27
City São Paulo
Postal code unknown

Agora vou fazer sempre assim. Vou encher as caixas de mensagens das organizações que lutam contra spam, com todos os dados que eu puder obter. Torço para que venha logo a Lei que trata deste assunto porque perco mais tempo excluindo mensagens e configurando filtros do que lendo e-mails. E recebo montanhas de e-mails por dia, que não são de spammers.

Nem que eu tenha que perder um mês inteiro denunciando essas porcarias mas vou passar a denunciar um por um, do Brasil ou lá de fora.

A PL do comério eletrônico: PLS 439/2011

Bjs carinhosos

Lá se foi mais um Pan...

Não sei se o Pan Americano do México despertou a curiosidade ou o interesse dos demais brasileiros mas não há como negar que houve em quezinho a mais no deste ano - ou melhor, muitos quezinhos a mais. Havia uma euforia e uma confiança no ar, um algo mais que participou de cada disputa.

A pior parte deste Pan foi comprovar que a Rede Record não soube aproveitar o que tinha nas mãos. Record tentou fazer do Pan um garoto propaganda pra trazer acessos ao canal. Deve ter conseguido alguma coisa a mais, mas a transmissão foi tão "propaganda" que duvido muito que consigam obter a fidelidade deste público. Ver a Rede Globo de orgulho ferido, fazendo pirracinha e se negando a valorizar "os nossos", ignorando completamente o evento foi simplesmente hilário.

O Portal Terra acabou ficando com a verdadeira função: fazer acontecer. E fez! Acompanhar o Guadalajara 2011 pelo Terra foi show! E não foi pouco show, não - foi showzaço! Terra e seus patrocinadores estão de parabéns e foram o ouro extra do Pan 2011. Quem acompanhou pelo portal, sabe bem a que estou me referindo. Show, show, show, show...

Ao esporte, a causa do Pan:

Angélica e companheiras da Ginástica me deixaram arrepiada todas as vezes que davam a cara pros juízes. Nossas meninas foram demais e fiquei muito orgulhosa do grupo todo. E as meninas do sincronizado com maiô desenhado por Romero Brito? Estavam lindas!

O ouro daquela prova da natação (Léo) que quase não veio por causa do Yakult e que, por conta da ética esportiva dos demais competidores acabou valendo... Putz! Foi demais acompanhar o desenrolar do problema e a solução satisfatória pra todos. Teve também o ouro antecipado na vela de Matheus Dellagnello e Patrícia Freitas, o judoca Kitadai, que conquistou o ouro com desarranjo intestinal. Constrangedor? Só pra nós, meros mortais; pro Kitadai foi um... Desculpem a expressão, realmente não é do meu feitio mas... Foi um phoda-se com todas as letras. Eu teria abandonado a competição, me escondido no quarto até o momento de embarcar de volta pra casa. Pra mim, Kitadai merecia mais que ouro e merece muita festa quando retornar ao Brasil. Vai ser kh-do assim lá na...

No handball, batemos Canadá, Porto Rico e Estados Unidos (muito bom!). O voleiboll Brasil x Cuba dos meninos teve um gostinho especial, foi emocionante. As atletas Maurren e Maurine fizeram bonito por todas as mulheres. Erika Miranda não perdeu pra cubana, conquistou a prata - aquela cubana era...


Descobri neste Pan que o Brasil tem rúgbi. E é bom! O jogo com o Canadá não fez nem cócegas na moral da turma e no outro bateram os EUA. Ficamos em sétimo mas, putz!... Nem é esporte "de tradição" no Brasil, ficamos muito bem se pesarmos tudo.

E quantas coisas mais devo ter presenciado e não lembro no momento. No geral, ficamos abaixo do último Pan mas que este teve muitos sabores especias, teve. Nem tudo é medalha pra quem está assistindo, a emoção e os arrepios são a nossa medalha de ouro particular e nesta edição, fomos campeões.

O encerramento está previsto para começar às 23:55h (horário de Brasília). O pecado foi selecionar Rick Martin. É, bem, ãhn... Enfim, aturarei...rs

Bjs verdes-amarelos a todos que acompanharam, curtiram, gostaram e, principalmente, se orgulharam.

E o Rally dos Sertões, hein? Também foi muito bom! :)

Bjs a todos

O petróleo é nosso? - Vital do Rêgo, o ladrão do RJ e do ES


Tem aposentado na sua família, recebendo pelo PreviRio? Então veja o que o senado fez com o seu idoso: Aposentados sem pagamento com o Rio sem royalties 

"Pelo texto aprovado no Senado na noite desta quarta-feira, a União tem sua fatia nos royalties reduzida de 30% para 20% já em 2012. Os estados produtores caem de 26,25% para 20%. Os municípios confrontantes são os que sofrem maior redução: de 26,25% passam para 17% em 2012 e chegam a 4% em 2020. Os municípios afetados pela exploração de petróleo também sofrem cortes: de 8,75% para 2%. Em contrapartida, os estados e municípios não produtores saltam de 8,75% para 40%." Correio do Estado.

"O Estado do Rio e os municípios fluminense produtores de petróleo sofreram ontem uma grande derrota no plenário do Senado. No começo da noite, foi aprovado o substitutivo (PLS 448/11) do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) que institui novos critérios de partilha dos royalties e da participação especial da exploração do petróleo. O texto provoca perdas consideráveis de receitas. Para os cofres fluminense e capixaba são de R$ 4,3 bilhões em 2012 e R$ 6,7 bilhões em 2018. A proposta segue agora para votação na Câmara dos Deputados." O Dia.

"... o substitutivo apresentado pelo senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) levará à queda da arrecadação de estados produtores como o Rio de Janeiro e o Espírito Santo." BBC Brasil.

Os municípios produtores de petróleo da Região Norte fluminense são os maiores prejudicados com a aprovação do substitutivo do senador Vital do Rêgo. De 26,5% em royalties a quem têm direito hoje, passariam para 17% em 2012 até chegar a 6% em 2020. Enquanto isso, as cidades não produtoras passariam de 7% para 20% em 2012 até 27% em 2020. O Dia.

"Se Dilma sancionar o projeto, os royalties terão de ser divididos de forma mais igualitária entre Estados produtores (Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo) e não produtores." Diário do Nordeste.

O senador Vital do Rêgo Filho é do PMDB-PB. O PLS 448/11 de sua autoria, aprovado covardemente pelo senado, não espera nem o pré-sal, tira recursos de direito dos estados produtores já a partir de 2012, prejudicando o planejamento com aposentadorias, saúde, educação, etc., a que os senadores do nordeste estão chamando de 'justiça na divisão dos royalties entre estados e municípios'. Até 2020, o corte seria de 50%, conforme o BBC Brasil explica: "Os Estados e municípios produtores teriam suas alíquotas da participação especial reduzidas pela metade: os Estados perderão cerca de dois pontos percentuais ao ano, passando de 40% até 20%, e os municípios teriam a participação reduzida de 10% para 5%."

Vital do Rêgo Flho (tinha que ser "do Rêgo"), com sarcarmo diz que "Os estados produtores não vão perder. Eles apenas vão deixar de ganhar"

Pelo PLS 448/11, do PMDB da Paraíba, este estado não-produtor passará a receber R$ 351.000.000,00 (trezentos e cinquenta e um milhões) a mais. G1. O estado da Paraíba recebe hoje 28 milhões do petróleo que não produz. É um aumento de 328 milhões de reais.

Em outras palavras, o que já está ruim no Rio de Janeiro, deve piorar em 50%, ano a ano, chegando ao fundo do poço em 2020. Na prática serão salários menores para todas as classes (e o nosso Rio já não prima pela valorização das remunerações), menos serviços (saúde, educação), mais insegurança (sem entrada de dinheiro = sem investimentos e melhorias), etc...

Caso ainda não tenha entendido as entrelinhas, explico de maneira mais clara: é a bancarrota do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.

O PLS 625/11 do Senador Francisco Dornelles (PP-RJ), , distribui os recursos sem prejudicar Rio de Janeiro e Espírito Santo. Os recursos adviriam da redução da parte dos royalties repassada à União e da criação de impostos sobre empresas petrolíferas.

Soluções - politicamente incorretas - que a população desses dois estados deveria tomar: 


- Chamar o Rafinha Bastos pra caçar paraibanos e demais nordestinos, assim como os nortistas, descendentes destes até 3º grau e mandá-los de volta pros seus estados de origem - a pé.
-- Ônibus podem ser disponibilizados ao valor de R$ 10 milhões por cabeça.
-- Pra ir de avião, a passagem custaria R$ 100 milhões, por cabeça.

- Contratar o Al-Qaeda através da empresa de venda de carros do jogador Emerson.

- Contrata o Google pro redirecionamento dos recursos previstos.

Soluções sérias

- Contar com a seriedade da Câmara dos Deputados e da presidente Dilma (isso não deveria estar na lista acima?)

- Rezar (chama o Bento!)

- Realizar uma partida entre o Íbis (de Pernambuco) (ou o Maga, de Santa Catarina) contra o Fluminense (campeão do brasileiro 2010) e o time que ganhar define os rumos dos royalties.


Desculpe, galera... Os royalties do petróleo estão sendo tratados como piada pelos políticos brasileiros. Estou muito zangada com essa situação mas não estou vendo nada que a população possa fazer. Lamento pelo fomento à discriminação aos 'turistas' que os políticos andam criando nos estados e municípios produtores.

Dividir, sim... Desde que com justiça e sem trazer prejuízo aos estados produtorres e aos municípios afetados pela produção. Duvido muito que a decisão do senado fosse a mesma, caso os estados de ES e RJ fossem os únicos no país a não produzirem petróleo.

Bjs carinhosos aos assaltados.

09.12.11 - União compra a briga dos estados produtores

Pecando pelo pecado

Pecando pelo pecado, faço minhas as palavras de minha Mãe:
"O poderoso fez em mim maravilhas, Santo é o seu nome!" Magnificat, Maria

Minhas maravilhas andam transformando algumas situações e estou amando ser uma "transformadora". Transformar, neste caso, quer dizer virar a vida de cabeça pra baixo e organizar tudo da melhor maneira possível, de forma a fazer render tudo quanto puder para outra pessoa - este é o meu trabalho, é assim que o vejo.

Uma de minhas maravilhas, criadas com todo carinho para apenas uma pessoa, se subdividiu otimamente para sete e depois entraram mais duas, totalizando nove pessoas completamente transformadas, remodeladas pra melhor (bem melhor!). O último trabalho que me deixou orgulhosa parecia menos poderoso mas quando as coisas começaram a acontecer, pudemos sentar e articular algumas ações e estratégias que acrescentaram alguns dígitos na porcentagem de melhorias e benefícios pra todos - um golpe de sorte aliado a uma boa cabeça pensante.

O trabalho vem rendendo cada vez mais frutos e sinto a melhoria na pele e no trato. Sentir as pessoas olhando e se digindo a mim com respeito e admiração (sinceros, o que é melhor ainda!) é propulsão pra tentar melhorar e fazer muito mais, arrebentando todas as barreiras das limitações. Mais solta, mais leve e mais atenta, minha criatividade, minha inteligência, minha cultura geral e meu jogo de cintura têm sido excelentes parceiros. Aulas de língua portuguesa, filosofia, ética, etiqueta social e profissional, entre outras, vêm relembrando e aperfeiçoando meu eu. Nunca usei a hipocrisia da modéstia nem a soberba da supervalorização pra denotar meu valor: sou autocrítica na dose certa pra reconhecer meu nível dentro da realidade.

Um pedaço dessa realidade tenho sentido aqui neste espaço. Só ontem, foram 78 visitas. Hoje, ainda antes das 6h da manhã, já recebemos 22 visitantes. Mês passado, essa nossa salinha fechou em 1.841 visitantes. Meu ip não entra nas estatísticas, são números de visitantes. São pessoas que acabaram de me conhecer ou que ouviram coisas boas (ou ruins, sabe-se lá..rs) de mim e usam a internet para tirar a prova dos nove. Entre julho e agosto, as pesquisas com meu nome aumentaram consideravelmente e mantiveram-se altas em setembro. É uma bobagem mas uma bobagem curiosa que me deixa satisfeita. :)

Sigam-me os bons, os seres de e da luz que precisam, que ajudam, que colaboram, que têm amor em abundância dentro de si. Os demais, eu dispenso.

Uma excelente sexta a todos e um final de semana abençoado pelo Divino.

imagem printscreentada em 01/12

Bjs carinhosos aos amigos e amorosos à família.

Professores, oficineiros, instrutores...

Oi, professores, oficineiros, instrutores...

Parabéns pelo Dia do Mestre.


Apesar de formada em Licenciatura, sinceramente não vejo nenhum motivo pra atuar na profissão e admiro muito os que se disponibilizaram a exercê-la em meio a tantos problemas que a Educação enfrenta. Vocês são uns heróis! :)

Beijos especiais aos meus colegas de turma na faculdade, aos meus professores de ontem e hoje, e aos oficineiros e instrutores fora do ambiente escolar tradicional, que me enriqueceram em conhecimento e experiências.

Beijos especialíssimos à minha filha, Ingrid Nascimento, que desde os 3 anos de idade dizia que queria ser professora de Educação Física e enfrentou 4 anos de período integral na UERJ (e muitas marcas roxas e dores musculares) pra completar sua formação.
Torço para que o futuro seja mais consciente com a profissão.
Um brinde à vida, nossa maior educadora; e à minha mãe, aniversariando hoje e que foi uma grande mestra em educação nos valores humanos.

"Tia" Neuza: beijo carinhoso pra ti! 
http://www.blogger.com/profile/09192586719278533122

Deus os abençoe!
Elida

Jogos Pan-americanos 2011 - México

Viram a abertura? Eu vi e gostei. :)
A Caixa colocou uma propaganda muito longa e a falação dos jornalistas estraga um pouco mas, ainda assim, dá pra ver legal pelo vídeo da Rede Record.

No Portal Terra tem um canal especial para os jogos de Guadalajara <http://esportes.terra.com.br/rumo-a-2012/pan-americano-guadalajara-2011/ao-vivo/> mas eu queria saber se há mais alguma emissora de tv a cabo passando.

Infelizmente, tivemos uma brasileira cortada por doping, a corredora Simone Alves da Silva. Vamos torcer pra nenhum outro atleta ser cortado.

Hoje tem ciclismo, ginástica, tae kwon do, handball, etc.

A Tabela das competições pode ser encontrada aqui: http://esportes.terra.com.br/rumo-a-2012/pan-americano-guadalajara-2011/visao-geral/index.html

A programação dos jogos Pan-Americanos na Record está aqui: http://rederecord.r7.com/pan-guadalajara-2011/geral/grade-record-pan.html

No youtube, tem pouca coisa no TopHDTV10: http://www.youtube.com/TopHDTV10
E no PortalOli´mpico tem alguns vídeos interessantes: http://www.youtube.com/PortalOlimpico

Pra hoje, sábado, teremos:

11 horas – Badminton – Eliminatórias – Individual masculino
11 horas – Ciclismo – Mountain Bike – Cross Country – Feminino – FINAL
11 horas – Pentatlo moderno – Esgrima feminino
11 horas – Remo – Eliminatórias – skiff duplo masculino e feminino; dois sem feminino; quatro sem masculino; skiff duplo peso leve masculino e feminino; skiff masculino
11 horas – Squash – 1ª rodada – Individual masculino e feminino
12 horas – Natação – Preliminar – 100 m borboleta feminino; 400 m medley masculino e feminino; 400 m livre masculino e 4 x 100 m livre feminino
12 horas – Tênis de mesa – 1ª rodada – Equipes feminino
12h20 – Badminton – Eliminatórias – Individual feminino
12h55 – Badminton – Eliminatórias – Duplas mistas
13 horas – Taekwondo – Preliminares – -49 kg feminino; -58 kg masculino
13h30 – Ciclismo – Mountain Bike – Cross Country – Masculino – FINAL
14 horas – Pentatlo moderno – Natação feminino
14 horas – Tênis de mesa – 1ª rodada – Equipes masculino
14h30 – Taekwondo – Quartas de final – -49 kg feminino; -58 kg masculino
15 horas – Handebol – Preliminar – BRASIL x EUA (feminino)
15 horas – Vôlei – Preliminar – EUA x Porto Rico (feminino)
14 horas – Pentatlo moderno – Hipismo feminino (meia hora antes o sorteio dos cavalos)
16 horas – Tênis de mesa – 2ª rodada – Equipes feminino
16h10 – Badminton – Eliminatórias – Duplas masculino
16h20 – Badminton – Eliminatórias – Duplas feminino
16h55– Badminton – Eliminatórias – Individual masculino
17 horas – Handebol – Preliminar – Argentina x Porto Rico (feminino)
17 horas – Squash – 1ª rodada – Duplas masculino e feminino
17 horas – Vôlei – Preliminar – Cuba x Canadá (feminino)
18 horas – Ginástica Rítmica – Eliminatória – Arco e Bola (este FINAL)
18 horas – Remo – Repescagem - skiff duplo masculino e feminino; dois sem feminino; quatro sem masculino; skiff duplo peso leve masculino e feminino; skiff masculino
18 horas – Tênis de mesa – 2ª rodada – Equipes masculino
18h30– Pentatlo moderno – Tiro esportivo e corrida feminino (FINAL)
19 horas – Taekwondo – Semifinal – -49 kg feminino; -58 kg masculino
20 horas – Handebol – Preliminar – República Dominicana x Uruguai (feminino)
20 horas – Ginástica Rítmica – Eliminatória – Maça e fitas
20 horas – Tênis de mesa – 3ª rodada – Equipes feminino
20 horas – Vôlei – Preliminar – México x Peru (feminino)
13 horas – Taekwondo – FINAL – -49 kg feminino; -58 kg masculino
20h25 – Badminton – Eliminatórias – Individual feminino
21 horas – Natação – FINAL – 100 m borboleta feminino; 400 m medley masculino e feminino; 400 m livre masculino e 4 x 100 m livre feminino
21 horas – Squash – Oitavas de final – Individual masculino e feminino
22 horas – Handebol – Preliminar – México x Chile (feminino)
22 horas – Vôlei – Preliminar – BRASIL x República Dominicana (feminino)

Bjs carinhosos

Finalmente, um canal pro Flávio

Com muito atraso, finalmente a Caramelo está preparando um canal no Youtube pro Flávio Venturini. Também estão atualizando o site e preparando um monte de novidades para os fãs e seguidores.

Adoro o FV! Como compositor é um poeta e como pessoa é um quindinzinho. :)

Bjs

Meus favoritos para homenagear o dia das crianças

Criança e gibis tem tudo a ver. Comecei minha paixão pela literatura com a leitura de gibis. Meus personagens preferidos são Mafalda, Calvin, Pato Donald, Mortadela e Salaminho, Brucutu, Asterix e, provavelmente, muitos outros que não lembro no momento.

Tem bastante tirinhas do Calvin no Depósito do Calvin mas é difícil encontrá-las no meio de tantas propagandas e links. Algumas da Mafalda coloquei numa página do Blogger e indiquei alguns bons links no final.

Da Disney, as trapalhadas do Pato Donald e do Morcego Vermelho fazem as melhores histórias. Tanto o MV quanto o PD têm páginas no facebook: Morcego Vermelho - Pato Donald.

Entre os brasileiros, fico com o filosófico Horácio, adoro aquele dinossauro muito fofo do Maurício de Souza.

Dos quadrinhos mais recentes, não dá pra esquecer Um Sábado Qualquer, do Carlos Ruas. O site do Sábado: http://www.umsabadoqualquer.com/. A tirinha 702  é uma homenagem ao Steve Jobs, que foi pro andar de cima recentemente.








Feliz Dia das Crianças. 
Que a Padroeira do Brasil, Nossa Senhora da Aparecida abençoe e todos nós e, principalmente, que faça o milagre de melhorar nossos políticos.

Bjs

Colocando em dia

A ideia de filmes em 3D até que é bacaninha, o problema são os filmes lançados em 3D: Rei Leão, A Hora do Espanto, Premonição 5 (isso conseguiu chegar ao 5??), além dos que estavam nos circuitos até uns dias atrás, como Conan, etc. Nenhum me causa a menor vontade de pagar pra ver.

Contra o Tempo e Sem Saída são filmes de ação, deu pra assistir sem dormir. Amizade Colorida dá pra passar o tempo mas aviso logo que é historinha pra adolescentes bobinhos. Eu queria ter a sua vida é o próximo da lista. No Arteplex tem ainda Meu País, que também pretendo ver em breve. A árvore da vida não vai dar pra ver, a sessão é às 23h (??) - fica pra próxima.

O Festival de Cinema deste ano começou ontem e os que me chamaram a atenção estão passando às 23h. Vou ver Uma Guerra, As Pessoas Pré-Fabricadas e Anistia. Se der tempo, verei também Além da Estrada, Borboletas Negras, A Um Tiro de Pedra e As Melhores Intenções. Estou aproveitando os tais 50% de desconto nos ingressos. :)

É pouco tempo pra ver todos porque no dia 18 termina o festival. O que estou querendo mesmo é visitar o Armazém 6, do Píer Mauá. Quem foi, disse que é lindo (mas meio carinho). Dia 28 começa o Curta Cinema, no CCJF, outro local que anda virando minha segunda casa. Adoro o CCJF e CCBB, são ótimos e recheados de excelentes programações.

Depois de quase dez anos de seca, acho que esta foi uma boa hora pra me colocar em dia com as telonas. O bairro de Botafogo anda pipocando em opções a qualquer hora do dia ou da noite. Na época das férias, como costumam aparecer só filmes idiotas, quero ver se aproveito pra ver os principais das últimas safras. Lá pra fevereiro/março, creio que já terei me atualizado sobre o assunto.... Vamos ver.

Quem quiser acompanhar a jornada, vai pra Botafogo, mais especificamente para a Rua Voluntários da Pátria, onde tem o Arteplex e duas Estação SESC, além de alguns outros que ainda não tive oportunidade de conhecer. Dá uma olhada:

Festival do Rio 2011 = o site não tem nada, só um guia de programação em pdf. É mais fácil encontrar informações do festival pelo Google mas, enfim, segue o link:
http://www.festivaldorio.com.br/

Festival do Rio 2011, no Porta Curtas Petrobras:
Prog. 1: http://www.portacurtas.com.br/recomendados.asp?IdRecomendado=224
Prog. 2: http://www.portacurtas.com.br/recomendados.asp?IdRecomendado=225

Arteplex: http://www.cinemasunibanco.com.br/filmes/?define=1&cidade_id=5
Estação SESC Botafogo: http://www.grupoestacao.com.br/grupoestacao/salas/botafogo.php
Estação SESC Espaço: http://www.grupoestacao.com.br/grupoestacao/salas/espaco.php


Programação CCJF: http://www.ccjf.trf2.gov.br/prog/prog.htm
Programação CCBB RJ (o link é 'esquisito' mesmo): http://www.bb.com.br/portalbb/page508,128,10158,0,0,1,1.bb?&codigoMenu=9894

E mais:
Festivais de Cinema e Vídeo:
http://www.kinoforum.org.br/guia/2011/
Curta o Curta:
http://www.curtaocurta.com.br/principal.php
Curta Cinema:
http://www.curtacinema.com.br/


Bjs culturais

Pra quem não esperava, não contava nem fazia questão de ir...

No primeiro dia, com aquele trânsito, consegui chegar na hora do show da Cláudia Leite que, acabou com qualquer estresse por causa do trânsito. A Kate Perry também curti um bocadinho, descobri que conheço algumas coisinhas mas gostei mais foi da descontração dela. O Elton, eu estava louca pra ver mas não gostei muito, me deu um pouco de sono. Resolveu bater o cansaço na hora, sei lá. No da Rihanna, só não curti mais por causa do cansaço. Mas, pra mim, tirando as loucuras e a descontração da Kate, achei Claudia melhor da noite. Brasileiríssima.

No do dia 30, fui pra ver Jota Quest. Tirei um cochilo nos dois seguintes, então, não posso dizer se foi legal ou não. Shakira gostei mas teria sido melhor se ela não tivesse feito tantas pausas entre as músicas. O ponto alto foi Só Hoje, dos gracinhas do Jota Quest, num coro só. Foi emocionante, muito emocionante. Fiquei tão envolvida que pensei que o coração ia explodir de uma hora pra outra. Muito show! A surpresa maior ficou pro dia seguinte.

Dia 1º consegui ver todos, fiquei super desperta o tempo todo. Foi o melhor dia, na minha opinião. Achei o Frejat muito 'preso', talvez pela emoção de não esperar tanto público. Podia ter feito mais, a banda tem talento pra fazer mais do que apresentou. Skank veio pra arrebentar, pra colocar a galera pra cantar e atingiu o objetivo. Os meninos fizeram bonito e deu pra sentir a emoção que tomou conta do Samuel. Foi meio mágico, muito bacana. Amo quando os brasileiros me deixam orgulhosa desse jeito. Ganharam uma fã. :)

Descobri que conheço muito do Maroon 5 e do Coldplay. Amei os dois, amei terem tocado direto, sem parar pra ficar contando historinha entre uma música e outra. Os momentos em que pararam pra bater papo, foram mais pra incendiar a galera ou pra dar 'aquela respirada' do que com a intenção de apresentar historinha. Foram lá pra cantar e cantaram. Ambos foram divinos e maravilhosos mas o CP foi mais sangue e entrega, fico com eles como show da noite. :)

No último dia, as pernas - que já não estavam mais 100% depois de tanto pula-pula nos dois dias anteriores, resolveram não colaborar. O cansado das duas noites em claro, e sem conseguir descansar direito durante o dia, por causa da adrenalina a MPH, foi a palavra final. A bola ficou com meus filhos, que finalmente conseguiram os ingressos pra ver Titãs, Pitty, Evanescence e Guns n´ Roses. Eles saíram de casa na hora em que eu estava, finalmente, indo dormir - ainda não chegaram. O sono foi daqueles reservados às belas - Valeu, Rock in Rio!

Guns N'Roses? Esses caras só arranjam problemas e ainda insistem em convidá-los pro Rock in Rio? Fala sério! Tem muitos grupos tão bons quanto e outros até melhores. Pelas frescuras, crises de estrelismos e pelo histórico de falta de respeito ao público são totalmente dispensáveis.

Senti falta do Lulu Santos. Teria sido bem legal relembrar os sucessos dele.

Youtube: Marron 5 e Coldplay
Youtube: Jota Quest, Skank e Cláudia Leite

Beijinhos carinhosos
Elida

Em defesa à Claudia Leite

Não sou da turma do axé e, portanto, nem Ivete nem Cláudia são lá grandes coisas na minha preferência. Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa, certo? Pegou muito mal as declarações da Claudinha pra cima do público, concordo. Mas do que esse povo está reclamando?

Na apresentação da Cláudia, estavam pulando que nem cabritos, berrando que nem carros-pipas a caminho do incêndio e curtindo de montão a apresentação. Cantaram junto, aplaudiram e curtiram pra kct. Eu estava lá. Eu vi e ouvi. O show da Cláudia foi super energético e pode-se dizer que 'abriu a noite'. Não cheguei a tempo de ver as apresentações anteriores mas pelos comentários, tanto de quem já estava lá antes de eu chegar quanto dos que viram pelo monitor ou tevê, o Rock in Rio só acordou quando veio a Cláudia.

Brasileiro tem mania de só valorizar o que vem de fora. Nossa brasileira não ficou nada a dever às gringas, viu? Fez bonito e muito bonito! E mesmo sem apreciar a artista fiquei foi muito orgulhosa da Cláudia. Dancei e pulei pra caramba. UM SHOWZAÇO!

Bjs carinhosos

Os estranhos 'mas'

Quase dispensei um projeto em Marabá/PA. A cidade parece ser muito linda, com lugares maravilhosos e tudo mais. Mas é também o único lugar no Brasil que não sinto a menor vontade de visitar. De tanto aparecer nos jornais com assassinatos bárbaros e a total inércia dos órgãos públicos, pra mim, Marabá é como um presídio a céu aberto. Bandidos fazem o que querem, mandam e desmandam e nada acontece. Como poderia me sentir segura num lugar assim? O coordenador ainda replicou "mas você vive no Rio de Janeiro, que é dominado por traficantes e tem governantes comandados pelos figurões do tráfico. Aí é mais perigoso que aqui, não tem diferença aí de zona rural e zona urbana, é tudo deles. Aqui, o perigo é na zona rural, briga de terras, desmatamento, coisa simples." Pensei comigo: "coisa simples?". Respondi: "Realmente, aqui não tem diferença entre zona urbana e zona rural, o perigo mora em todo canto MAS aqui, os bandidos acabam presos ou mortos em guerras por pontos de venda de drogas. Além do mais, os nossos bandidos mais inteligentes já aprenderam a usar a internet pra obter lucro e se organizaram até para entregas a domicílio, com a maior discrição." Depois fiquei pensando no absurdo dessa conversa; bandido é bandido, em qualquer circunstância, local e situação. Não tem essa de bando daqui ser mais manso ou menos perigoso que os de lá. Comentei isso com o coordenador e ele riu, concordando comigo. Acabei aceitando o projeto e vamos acertar um dia pra eu poder visitar o espaço em Marabá, na zona urbana. Por autopreservação pedi que batesse fotos aleatórias nas ruas para eu ver como o povo se veste no dia a dia porque não quero ficar parecendo 'turista'. Coisa de carioca. :)


II

Virei fã de Kevin Slavin, especialista em algoritmos. Palavras dele:
"Estamos escrevendo coisas que não podemos mais ler."
"Nós criamos algo ilegível e perdemos a noção do que realmente está acontecendo no mundo que criamos".

Slavin afirma que, na medida em que os códigos matemáticos se tornam mais sofisticados, eles se infiltram até mesmo em nossas preferências e decidem que produtos culturais estarão disponíveis para nós. Para Slavin, na medida em que os algoritmos expandem sua influência para além das máquinas, é chegada a hora de saber exatamente o que eles sabem e se ainda há tempo de domá-los. (matéria da BBC)

Minha dúvida é: saberemos domá-los?

Bjs carinhosos

O que você faria pela educação?

Fui pega com essa pergunta no seminário da cultura para a não-violência. De cara, somos tomados pela grandiosidade da resposta, pois não há algo a ser feito e sim, muito a ser realizado. Ato contínuo, lembramos dos inúmeros problemas enfrentados pela educação pública e dos casos de falta de educação que parecem arraigados na nossa sociedade, trazidos pela inversão de valores – a Lei de Gérson, por exemplo. A pergunta deixou-me com sensação de covardia porque não temos como apresentar em poucas palavras o mundo de soluções que gostaríamos. Lembrei da época de adolescente, quando levávamos saquinhos pra praia pra colocar o lixo. Num determinado ponto, alguém resolveu colocar garis nas praias e hoje já quase não se vê usuários levando seus saquinhos de lixo. Recentemente, ao puxar meu saquinho e começar a juntar o lixo que estava por perto da minha canga, ouvi da pessoa que me acompanhava para deixar pra lá porque isso era função da comlurb. Colocar comlurb nas praias foi uma opção pela medida paliativa sem resultados práticos nem a curto nem a longo prazo. O ideal não seria educar para que as pessoas descartem o lixo de forma correta?

A pergunta tratava-se de como usar a cultura como forma de educar e meus primeiros pensamentos não se adequavam corretamente na questão. O tema do seminário levou-me a perceber que, na verdade era para ser respondida como 'o que a cultura pode fazer para contribuir na educação para a não-violência?' Mais do que apontar erros, era preciso apresentar ideias a serem aplicadas em projetos culturais. Como muitos, também acredito na força modificadora da cultura e é na cultura que reside a maior e melhor parceira da educação. Cursos gratuitos e livres de música, dança, canto, pintura, desenho, criação literária, teatro e informática fora do ambiente escolar e sem a carga da obrigatoriedade - como recentemente fizeram com a música nos currículos escolares. O indivíduo deve ter liberdade para experimentar todas as áreas de criação para decidir qual seguir mais a fundo. A obrigatoriedade gera negatividade e a consequente má vontade com o arte-educador. Ainda que o aluno venha mais tarde a sentir prazer nas aulas, o percurso inicial já ficou prejudicado pelo peso da obrigatoriedade.

Pensei ainda nos milhões de ideias que perambulam pela minha cabeça e em outros milhões que tive a oportunidade de ouvir e conhecer. Uma pergunta tão simples, com tantos mundos que trazem em todas as respostas possíveis.

Deu pra encher linguiça? E você, o que faria pela educação? :)

Beijinhos carinhosos

O ciclo leve da obsessão

Copiando e colando o que recebi por e-mail.

O ciclo leve da obsessão
por Maria Cândida Lisboa, psicóloga especialista em relacionamentos e pesquisadora de formas de obsessão.

"A obsessão amorosa não é problema do mundo atual como muitos imaginam, em 1761 foi registrada na literatura psicanalítica pelo doutor John D. Moore, no livro Confusing Love With Obsession.
Obsessão amorosa está diretamente relacionada com a insegurança e falta de autoestima do obsessor. As pessoas mais vulneráveis a esse tipo de envolvimento são frágeis, narcisistas, egocêntricas e egoístas, vêem a dedicação excessiva como uma prova de amor, estão sempre exigindo demonstrações públicas de amor e afeto a fim de suprir necessidades psicoafetivas. O amor desmedido surge trazendo um sentimento de ódio e desprezo pelo outro, ficando latente por algum tempo. O ciúme exagerado é sintoma nesses casos, o obsessivo reivindica a posse integral do outro, como algo que lhe pertence indiscutivelmente.
A necessidade obsessiva cria mecanismos e estratégias para seduzir o outro originando numa atração fatal que busca a possessão como forma a incluir o parceiro em sua própria vida, tentando o máximo de controle. Obsessivos se sentem dependentes do outro para realizarem seus sonhos e desejos, sendo incapazes de agir pra si por conta própria pela própria insegurança que o acomete. O obsessor não se percebe como agente de obsessão imputando ao objeto do amor como origem de sua infelicidade.
A pessoa propensa a um amor obsessivo, repleta de desconfianças e ciúmes, transforma os amigos do objeto de desejo em alvos constantes e o obsessivo não sossega enquanto não vê-los aniquilados da vida de seu objeto de desejo. O amor obsessivo é cultivado no campo da fantasia ficando a realidade distorcida pelo obsessor que passa a ver o bom como mau e o mal como bem. Sendo assim, a vítima do amor obsessivo inicialmente é vista como a pessoa perfeita até que se inicie o segundo nível da obsessão, quando o obsessor imputa defeitos inexistentes no outro, geralmente seus próprios defeitos somados aos antônimos das qualidades do objeto de amor. Na impossibilidade de posse integral do objeto de amor, o ódio e o desprezo saem do estado de latência e a patologia se eleva a um nível mais grave, levando a tortura psicológica e em casos extremos, a crimes passionais.
Os propensos a crimes passionais passam a perseguir o objeto de posse, são facilmente identificáveis e permeiam as colunas policiais dos jornais. Os propensos a tortura psicológica passam a desmerecer o objeto de posse e a agir como vítimas, podendo transformar-se em crime passional ou permanecer como obsessor estratégico. Ações e demonstrações de amor do objeto, antes exigidas pelo obsessor, são vistas com exagerada desconfiança, levando a brigas constantes. A tortura psicológica traz acusações ao objeto de provocar consciente vergonha, descrédito, desmerecimento, humilhação, desconforto, diminuição e tristeza ao obsessor. Ao atingir este ponto, o objeto sente-se sem saída e fica sem saber quando e o quê poderá desencadear uma nova crise, deixando-o menos permeável ao domínio do obsessor. Vítimas de obsessores estratégicos são pessoas tolerantes, calmas, amorosas, carinhosas e complacentes, acredita que o amor e o carinho trarão a cura para o comportamento do obsessor. Por confiarem no obsessor, raras vezes finalizam o relacionamento. A alteração no comportamento do objeto faz com que o obsessor sinta que está perdendo controle, passa a exigir maior comprometimento do objeto. A impossível realização do desejo de dominar integralmente o objeto leva o obsessor a procurar um esconderijo de segurança, a traição como vingança, tendo por intenção esconder o sentimento originário da patologia. O esconderijo surge quando o obsessor encontra alguém que não se questiona de um amor repentino. Tendo novo relacionamento a protegê-lo, o obsessor passa a adotar atitude distante e de desprezo ao objeto de sua obsessão, criando nova realidade paralela no campo da fantasia onde é o objeto que o persegue, traição invertida.
As constantes demonstrações de amor em público com o novo relacionamento prestam cobertura ao desejo íntimo de possuir o objeto primário de desejo. O grau de independência do objeto de desejo ao obsessor definirá o grau de dependência do obsessor ao novo relacionamento, quanto mais o objeto de desejo seguir com a vida, mais o obsessor o verá como seu perseguidor. Dessa feita o obsessor atinge o quarto nível da anomalia, o apego ao ódio como defesa ao sentimento de dependência ao objeto de desejo. O novo relacionamento será usado como arma de ataque ao objeto até que o obsessor caia em si reconhecendo a derrota. O último nível da patologia levará o obsessor a cometer crime passional ou trazer a obsessão ao novo relacionamento. O ciclo recomeça."

Fazendo horinha...

Terceiro sábado do curso e já deu pra perceber, desde o primeiro dia, que não seria fácil. É cansativo ficar sentada quieta o dia inteiro. Depois do almoço (que dura só 45 minutos), vem outro professor e com ele ficamos até o final da tarde. Quem não aprender pela competência acaba aprendendo por osmose...rs

A vantagem deste curso é o método. Não são exatamente aulas, parecem mais com dois seminários a cada sábado. Vemos muitos vídeos e slides. É legal porque não precisamos nos preocupar com cadernos, provas e trabalhos. Teremos uma única avaliação prática no final e será com o grupo todo. Ontem até que os temas eram interessantes mas não deu pra ir à aula. Doze sábados, tentarei não marcar mais nada pros finais de semana... Três já foram, 25% da carga horária já foi cumprida.

O coquetel? Foi divino! Tinham 2 telões passando momentos mais marcantes das outras edições do evento e o povo acabou cantando junto. Só não gostei de um detalhe: apesar de terem enviado e-mail alertando de que não poderia entrar com câmaras fotográficas, vi um monte de gente batendo fotos à vontade. Ninguém reclamou. Fiquei danada porque não dava pra tirar com a do cel porque minha memo já está lotada. Eu adoraria der ter tirado fotos com algumas figuras. Momento histórico. :)

De agosto pra cá já foram aprovados 8 dos meus 19 projetos cadastrados por aí. Apenas um entre esses oito apresentou ressalvas mas já esperávamos por isso e é coisa banal de ser corrigida. Ando ansiosa pra saber logo os outros resultados. Não vejo a hora de ver tudo acontecendo porque tenho mais um monte pra enviar pra análise e já estourei o limite da minha cota e da cota de alguns amigos. Depois desconto com eles.

E no outro dia:
- Pro seu orkut ficar completo, só falta eu nos seus contatos.
- Desculpe, anjinho. Orkut é pra criança, eu uso Facebook.

Acabou minha horinha. Já recebi a ligação avisando que a carona está bem perto.

Ah! Voltei pro Linux; não resisti..rs
Pra não ficar sem meus programas preferidos, particionei o micro. Deixei meu trabalho no windows (sem internet) e pra navegar uso o pinguim. Instalei ubuntu e vou testar por mais duas semanas e, se aprender a me virar legal, até novembro pego um notebook com o pinguim.

Bom domingo e uma excelente semana a todos.

Até a volta, sempre às 10! :)

Bjs carinhosos

Rapidinhas... RIR

Hoje é dia de compromisso pra RIR... Conto depois, por e-mail.

Como vai? Vou bem. Quais as novidades? Não conto, descubra.


Até semana que vem, sempre às 10h. :)

Beijinhos carinhosos

As 10 coisas mais chatas da internet

Cada um tem seu gosto, será que combinamos em algum item da lista?

1. Spans e e-mails com hoax;
2. Flash (a maioria é de propagandas);
3. Banners que aparecem sobre o conteúdo principal das páginas;
4. Captcha (são irritantes);
5. IncrediMail com aqueles banners ridículos embaixo;
6. Gente que envia mensagens para vários amigos deixando todos os e-mails à vista;
7. Gente que pega os e-mails à vista;
8. Texto piscando;
9. Sites que não fazem contraste entre a cor de fundo e a cor da fonte (já vi sites com fundo preto e fonte grafite... AFF!);
10. Erros ortográficos grosseiros ("cemi profiçional", "leia o teisto e deicha sua hopiniaum"; dentre outros crimes hediondos contra a língua portuguesa).

Beijinhos carinhosos

Ficha limpa


Recebi notícia de que na semana passada houve recusa dos sendores em votar a lei da ficha limpa, alguém tem algum link válido sobre o assunto? A última movimentação que recebi foi em 23 de março, quando o Ministro Luiz Fux disse que a Ficha Limpa só vale pra 2012. Depois disso, não vi mais nada nem no STF nem no Senado.

Atualização: Vocês são rápidos..rs
Meu povo, recebi este link: http://www.avaaz.org/po/ficha_limpa_under_threat_/?tta
Aproveitem e assinem a petição.

O primeiro parágrafo: retirado a pedido da autora do vídeo, após ter recebido algumas mensagens agressivas. Só rindo...rs

Boa semana a todos.

Bjs

Loucuras do Rio

Apesar do passe livre, não dá pra ir todos os dias mas tenho curtido bastante a Bienal. Ontem é que estava um inferno por todos os lados. A organização vem a cada edição piorando a atenção nos detalhes no entorno do Riocentro. A localidade do Riocentro já não é aquelas coisas para eventos de grande porte e sem um mínimo de infraetrutura nas imediações fica impraticável. Segunda e terça, apesar da visita vapt-vupt, estava mais tranquilo mas ainda assim, deu pra sentir que os problemas aumentariam estrondosamente no feriado. Não deu outra: uma zona, dentro e fora da Bienal. Não uma zona qualquer, uma homérica zona!

Em relação aos preços não vi grandes diferenças das ofertas da internet. Gosto de folhear os livros mas pra comprar, a internet ganha disparado. Acho que esse foi o último ano que visitei Bienal de Livro.

Visitas interessantes.. Legal! Bom saber..rs

Boa quinta a todos e um excelente final de semana.

O infinito é um dos deuses mais lindos

Gente do Céu! Que bonitinho, o Blogger se atualizou e mudou tudo. Está bem mais limpo e ágil.

Foram alguma vez no site da NASA pra acompanhar alguma das expedições? Eu adoro acompanhar as viagens, dão-me a noção de que o infinito é logo ali.

Na viagem desta semana meus anfitriões deixaram um notebook com modem 3G comigo que, infelizmente, quase não tive oportunidade de usar enquanto estava no meu quarto. Na primeira noite fui dar uma olhadinha nas novidades sobre a Juno e o Huble e quando dei por mim estava a mais de 3 horas navegando pelas notícias e assistindo vídeos. Os vídeos e imagens são de alta resolução, simplesmente fantásticos.

Não tenho nem nunca tive sonho de virar astronauta ou qualquer coisa parecida mas tenho paixão pelo céu e pelo que há por trás daquilo que nossa percepção alcança. A curiosidade pelo imperceptível desde cedo acabou se alastrando para as coisas do dia a dia e da vida, o que talvez justifique uma das características da minha personalidade: tudo tem que ter um porquê e uma solução; não acredito em problemas insolúveis e situações inexplicáveis. Acredito que a verdade seja um anjo peralta brincando de pique-esconde de vez em quando; e quem preza a verdade, tem que se submeter ao jogo, indo a fundo na procura.

O que é visível para alguns é tão imperceptível para outros que acabamos achando incrível quando alguém não vê a vastidão de determinadas coisas. E quando ocorre a sintonia de ideias, a sensação tanto pode ser de regozijo quanto de desespero, dependendo da situação... :)

"Já não me preocupo se eu não sei por quê.
Às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê
E eu sei que você sabe, quase sem querer
que eu vejo o mesmo que você."
(Legião Urbana - Quase Sem Querer)

Beijinhos carinhosos

Outras vitórias

Semana passada foi período de finalizações. Tive a colação de grau e terminei os cursos de filô.

Na colação fiquei surpresa com o número de alunos que 'chegaram lá': éramos 5 apenas. Cinco alunos numa turma que se iniciou com 127 alunos. Fiquei me sentindo nas nuvens.

No filô presencial recebi, além do certificado de conclusão, um certificado de honra ao mérito pelos valores e virtudes, por ter obtido excelência nos debates e questões de ética. Tanto as questões quanto os debates se subdividiam em vários 'poréns', tornando os fatos bem complexos. O jeito foi racionalizar tudo e pôr na balança os prós e contras, pra podermos justificar e dar o parecer às questões apresentadas.

Os alunos também puderam apresentar questões para debates e apresentei a minha. Nas questões apresentadas pelos alunos, o aluno que apresenta a questão não pode entrar no debate (para que o posicionamento não interfira no resultado), apenas listar os fatos do problema e deixar que a turma debata livremente. E só depois que o problema é concluído pela turma é que o aluno pode apresentar seu parecer.

No meu dia foi difícil ouvir conclusões e comentários que eu sabia estarem um tanto e quanto distantes da realidade e sem poder falar nada. Gente, que exercício de autocontrole! Ao final de tudo, o parecer da turma foi bem mais radical que o meu para a questão. Depois apresentei minha análise e parecer, o que me deixou com a sensação de ser 'bozinha e certinha demais'. Não devo estar errada em ser assim, senão não teria recebido o parabéns dos professores, pelo detalhamento profundo e crítico da minha conclusão. O certificado extra, é claro, me deixou super orgulhosa e feliz; acho que foi o mais importante da semana.

Para Aristóteles, a Ética é responsável pela felicidade individual de cada indivíduo e se subdivide em ações para o bem comum (a vida em sociedade, a comunidade, os outros). Protocolos, preceitos, normas e regras para o bem viver na santa paz de espírito - a paz é característica básica para a verdadeira e duradoura felicidade. O caminho para a felicidade passa, obrigatoriamente, pela Ética. Em outras palavras, para ser feliz é preciso saber como agir e reagir nas mais diversas situações e saber decidir o que é certo. A educação familiar deveria construir essa base, a minha teve uma fundação bem boa. Filô fixou o restante da construção e abriu minha visão para um outro panorama, muitíssimo mais abrangente. Fiquei super, hiper, extensamente feliz com o curso. Amei demais, principalmente o presencial. Acho que farei outro. :)

Bjs carinhosos
Aos papais, um beijo especial pelo dia.

10 Mandamentos das Redes Sociais

Vivenciamos uma época em que é impossível e ilógico tentarmos deixar de utilizar os recursos tecnológicos e os serviços disponíveis na grande rede mundial de computadores, seja para fins pessoais ou profissionais, sendo a evolução exponencial das mídias sociais mais um grande marco dessa era, surpreendendo e espantando a compreensão do ser humano.” A afirmação é do advogado Rony Vainzof no artigo Mídias Sociais e Questões Jurídicas, que ele escreveu especialmente para o E-Book "Para entender as Mídias Sociais”.

De acordo com o advogado, infelizmente, inúmeras pessoas se expõem, utilizam perfis falsos, mentem, ofendem, maltratam, ameaçam, traem, são racistas, vendem drogas, violam direitos autorais, violam segredos industriais, praticam concorrência desleal, tentam destruir a vida pessoal e profissional de terceiros. “Além disso, nos últimos anos já vimos casos gravíssimos de jovens se suicidando em razão de gravíssimos casos de cyberbullying, seqüestradores “caçando” suas vítimas na Internet, trabalhadores expondo segredos industriais aos concorrentes por irresponsabilidade ou intencionalmente”.

Vainzof explica que é necessário que a sociedade se conscientize de que é necessário fazer uso responsável das mídias sociais, bem como saber quais as conseqüências dos atos praticados pela Internet, que possui uma propagação mundial e imediata. “A regra geral da legislação penal brasileira dispõe que o desconhecimento da lei é inescusável (Art. 21 do Código Penal), ou seja, ninguém pode alegar o desconhecimento da Lei para se defender”, detalha.

O advogado enumera alguns crimes cometidos pela Internet e que são enquadrados das seguintes formas:

- Discriminação ou preconceito na Internet: crime previsto no Art. 20, §2º, da Lei 7.716/89;

- Calúnia, Injuria e Difamação por meio que facilite o ilícito: crimes previstos nos Arts. 138, 139 , 140, respectivamente, combinado com o Art. 141, inc. III, todos do Código Penal;

- Ameaça: crime previsto no Art. 147 do Código Penal;

- Induzimento, instigação ou auxílio a suicídio: crime previsto no Art. 122 do Código Penal;

- Falsa Identidade: crime previsto no Art. 307 do Código Penal;

- Violação de Segredo Profissional: crime previsto no Art. 154 do Código Penal;

- Concorrência Desleal: crime previsto no Art. 195 da Lei de Propriedade Industrial (Lei n.º 9.279/96);

- Responsabilidade civil dos provedores de serviço de Internet que não adotam qualquer medida para remover o conteúdo indevido inserido por terceiros caso sejam previamente cientificados: Art. 186 do Código Civil;

- Responsabilidade civil dos pais pelos seus filhos menores de idade por atos ilícitos: Art. 932, Inc. I, do Código Civil;
Código Civil: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10406.htm

- Responsabilidade do empregador sobre seus empregados no exercício do trabalho que lhes competir, ou em razão dele, por atos ilícitos: Art. 932, Inc. III, do Código Civil;

- Justa causa para rescisão do contrato de trabalho por incontinência de conduta ou mau procedimento, violação de segredo da empresa, ato lesivo da honra ou boa fama contra qualquer pessoa e/ou superiores hierárquicos: Art. 482 da CLT, alíneas “b”, “g”, “j” e “h”.

Diante dos enquadramentos, o advogado Rony Vainzof elaborou “Os 10 Mandamentos das Redes Sociais”, onde os internautas podem seguir as dicas e ficar bem longe de qualquer tipo de crime e de criminosos virtuais, já que a Internet não é “um mundo sem lei”.

São eles:

I - Assim como na vida real, seja ético, honesto, integro, justo, sincero, bondoso e humano;
II - Leia atentadamente os termos de uso (contratos) das redes sociais antes de assiná-los digitalmente;
III - Utilize as opções mais restritivas de privacidade que as redes sociais disponibilizam;
IV - Não converse com estranhos nas ruas virtuais, não adicione amigos ou mantenha relacionamentos nas redes sociais sem ter certeza de que quem está do outro lado do computador são seus amigos na vida real;
V - Cuide de sua senha como você cuida da chave de sua casa. Ela é a sua autenticação na Internet;
VI - Não revele dados pessoais em redes sociais. Criminosos pesquisam o perfil das suas vítimas na Internet;
VII - Não tire fotos comprometedoras de você mesmo ou de terceiros, muito menos as exponha na Internet;
(eu detesto colocar foto na internet e gosto menos ainda quando meus amigos colocam fotos de encontros em que eu apareço, principalmente sem pedir minha autorização - sou chata mesmo com essas coisas -, adoro preservar minha privacidade)
VIII - Não utilize identidade de terceiros, não seja racista, não ofenda, não ameace e não humilhe terceiros. Tudo isso é crime;
IX - Jamais incentive ou auxilie o suicídio;
X - Pense muito antes de se manifestar em qualquer rede social, pois o seu pensamento se eternizará na Internet, que muitas vezes não permite o direito ao arrependimento.


Código Penal
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Decreto-lei/Del2848compilado.htm

Código Civil
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10406.htm

Fonte
http://www.portaldoconsumidor.gov.br/noticia.asp?busca=sim&id=19364


Enfim... Boa noite, galera. Até amanhã! :)
Bjs carinhosos

Quando o trabalho é lazer

Tenho que me policiar mais um pouco. Minhas amigas reclamam que antes eu tinha uma desculpa assim-assim pra sumir; agora a desculpa são as viagens e o trabalho. Mas quem não gosta de viajar? É tão bom pegar a estrada ou as nuvens pra conhecer outros lugares, outras cabeças pensantes, outras culturas, outros de tudo.

Hoje em dia tenho a real sensação daquilo que eu desconfiava: o Brasil é um país de vários países. Cada canto é um canto e tem sua personalidade própria, sua forma de ver o mundo e os outros brasís.

Cheguei num ponto em que posso dizer que vivo um sonho, completamente integrada à paisagem e a tudo que me cerca. Entrar num salão, com cerca de 500 pessoas, entre políticos, imprensa, pequenos produtores e celebridades locais aguardando pra me conhecer e pra 'tratar de assuntos' comigo já não me dá mais frio na barriga. A confiança que tenho em meu trabalho - reconhecido como entre os melhores e mais corretos no ramo -, e a segurança que tenho em mim como pessoa e mulher estão sendo excelentes diferenciais. Ao sair desses salões sei que deixei boas marcas em cada um dos presentes. Viver um sonho é viver constantemente sob os efeitos de um encanto que transparece por nossos olhos, pele, cheiros e gestos... É uma aura que tem contagiado as pessoas à minha volta, revertendo em maiores e melhores benefícios pra mim, pras minhas famílias e para os que amo.

Como diria o Guiga, tudo acontece na hora certa. Esta é minha hora certa, tudo está em seu lugar.

Beijinhos carinhosos

Dica: No blog Natureza Brasileira tem um post com as diferenças entre produtos orgânicos e hidropônicos. Como não lembro quem comentou sobre isso comigo na semana passada, fica a dica aqui no blogue.

Dúvida: ladyhedrixecbpx??

Como andar de ônibus no Rio de Janeiro - Manual do Passageiro

É muito simples: faça sinal para o primeiro que vier, espere parar e pergunte ao motorista que linha é aquela que ele está dirigindo. É a linha que você deseja? Beleza, é só subir. Caso não seja, repita o procedimeto até acertar porque um imbecilóide resolveu deixar todos os ônibus iguais.

Está uma m* pegar ônibus na cidade do Rio de Janeiro.

Bjs

Vinícius ou Chico?

Como não sou grande conhecedora de música, tenho a vantagem de poder me surpreender constantemente com os grandes nomes da mpb. Pensei que já tivesse ouvido tudo de Vinícius mas recebi pelo e-mail essa 'pérola', cantada por Chico.

Medo De Amar
Vinicius de Moraes

Vire essa folha do livro e se esqueça de mim
Finja que o amor acabou e se esqueça de mim
Você não compreendeu que o ciúme é um mal de raiz
E que ter medo de amar não faz ninguém feliz

Agora vá sua vida como você quer
Porém, não se surpreenda se uma outra mulher
Nascer de mim, como do deserto uma flor
E compreender que o ciúme é o perfume do amor


No início do vídeo, Chico diz que foi seu primeiro trabalho: "Medo de Amar foi a primeira música que eu fiz; Vinícius cantava no violão a 50 anos atrás. Coisa boa!" (Chico Buarque de Hollanda).

Em quase todas as páginas indica a autoria como sendo de Vinícius. E agora, de quem será a letra? Tem mais cara de Chico mesmo, né? As do Vinícius eram mais do tipo 'paixão sufocante' ou 'dor de cotovelo'. Enfim, deixo a resposta com os entendidos. :)

Link para 'Medo de Amar': http://letras.cifras.com.br/vinicius-de-moraes/medo-de-amar

Como acordar mal

Ir dormir depois de uma noitada de comemorações com os colegas e acordar com o caçula ouvindo isso que está aí é um castigo. Faz-me pensar coisas como: onde foi que eu errei? qual o motivo deste enorme castigo? Dá uma escutadinha nesse 'treco': http://www.youtube.com/watch?gl=BR&v=f7BemQyiYJ4

É ou não é pra deixar qualquer mãe em alerta?...rs

Tive que me alimentar de um pouco de Bethânia e Chico Buarque, pra poder redescobrir o prazer do som. Palhacinho é o kct!

Vamos pro churras? Sou a convidada especial então acho que posso levar quem eu quiser, né? Desde que não abuse. Comemoraremos dia das mães, meu aniversário, minhas duas últimas conquistas e acho que só. Fui!

Bjs carinhosos
Elida

Carne de cocô

Está mais do que na hora de pararmos de consumir carne.

Cientista japonês cria carne a partir de fezes humanas.

Jornal do Brasil, 17/06 às 19h16 - Atualizada em 17/06 às 23h42

O pesquisador japonês Mitsuyuki Ikeda desenvolveu um método de transformar produtos derivados de dejetos humanos em carne artificial. O alimento, que é produzido em laboratório, poderia ser menos calórico e é composto por 63% de protéina, 25% de carboidratos, 3% de lipídios e 9% de minerais.

A iniciativa surgiu depois que as autoridades de Tókio pediram que o cientista descobrisse uma forma de reutilizar a lama de esgoto da cidade. Os pesquisadores adicionaram corante vermelho e sabor artificial de soja à carne.

O cientista acredita que o seu invento pode se tornar uma alternativa comercializável para substituir a proteína animal. A invenção foi submetida a testes de degustação em que os voluntários disseram que a carne artificial tem gosto de bife.

A polêmica tem encontrado seus fãs. Segundo o site ecológico Inhabitat.com, a indústria da carne colabora com 18% das emissões de gases na atmosfera. Para eles, a alternativa artificial iria reduzir as emissões de gases, além de ser menos calórica.

Os cientistas envolvidos no projeto estimam que o preço da "carne de esgoto" seja equivalente ao preço da carne normal. Segundo Ikeda, é normal que as pessoas não se sintam tentadas a experimentar o novo alimento, mas ele espera que "as pessoas possam deixar de lado o pequeno detalhe de que a carne é feita de dejetos humanos"

Mais um desafio vencido (bem vencido!)

A prudência já ensinou-me a triplicar o controle dos meus impulsos nos momentos em que estiver sob os efeitos etílicos um tanto elevados, como agora. Hoje estou abrindo uma exceção, pois ontem à tarde soube que venci mais um desafio. A comemoração era inevitável. Mas como vida sem desafio não tem graça nenhuma, em setembro começo o próximo e, em dezembro de 2012, espero estar comemorando mais uma vitória. Ontem também consegui finalizar a coleção de Gramáticas e a coleção do Claudio Henriques. Falta pouco para que minha biblioteca atinja a escala média que planejei. Acho que esse mês bati meu record em compra de livros.

Vou tirar uma semana para descanso e comemorações e depois vou finalizar os trabalhos pendentes. Não tenho pego mais nenhum trabalho, tenho dado mais atenção aos meus projetos pessoais e profissionais. Eu me devo este presente! No final do ano terei meu tempo pra acabar de escrever meus contos e finalizar minhas ficções, que já tem espaço pra publicação lá fora. Penso em fazer uma tiragem mínima por aqui para alguns amigos mas nada é definitivo ainda.

Hoje é só um rgistro particular, nada demais...

Bjs carinhosos

A verdade sobre o Rio de Janeiro

A verdade sobre a insegurança no Rio de Janeiro

Não sou nenhuma analista do governo, nem pesquisadora acadêmica das ciências humanas nem nada parecido. Esse é o meu olhar como cidadã.

Começo por um exemplo, para ilustrar melhor a situação: No final da tarde a comlurb atravessa todas as praias recolhendo o lixo deixado pelos banhistas. Legal, a praia fica limpinha e todos acham lindo esse serviço. Porém, o ideal não seria se as pessoas não jogassem o lixo na areia? Então porque não usar a lei e passar a punir com rigor os porcalhões, como estão fazendo com os mijões?

Desse modo é tratada a segurança no Rio de Janeiro: aplicam-se medidas 'de enfeite'. Pacificam-se os morros, deixando os bandidos livres. Como resultado, vemos o aumento de assaltos a lojas comerciais, residências, furtos de carro, elevação de ocorrências em municípos e estados vizinhos, etc. Não é preciso ter nenhum curso superior nem treinamento internacional pra saber que bandido não tem local de trabalho fixo: atua em qualquer lugar e em quaisquer condições.

A educação é essencial, enquanto os imbecis governamentais não perceberem isso, não haverá esperança. A Secretária de Educação passa o dia twuitando, blogando e se autopromovendo em site pessoal (e estamos pagando por isso). Beltrame pensa que engana mas todos sabem que não passa de garoto-propaganda de Sérgio Cabral, produzido pela Globo: só aparece pra falar dos milagres do estado, que só ele e os patrões dele estão vendo. Sérgio Cabral só quer saber de viajar, viajar e gastar. Nunca está presente quando aparecem problemas. Com tantos impostos e taxas que pagamos, essa coisa tem a cara de pau de dizer que o Rio não tem dinheiro pra melhorar os salários dos funcionários que trabalham na educação, segurança, etc.

O interessante é que o governo do estado do RJ não tem dinheiro pra melhorar os salários dos funcionários estaduais
mas tem dinheiro pra pagar mais de 3 mil reais, por faxineiro, contratados de uma empresa terceirizada, conforme matéria de Berenice Seabra, publicada hoje no Extra.



Ainda tem alguma dúvida sobre a zona que anda o RJ?

Bjs carinhosos

Hoje me permito....

Gente do céu, quanto tempo!....

Hoje abri uma exceção pra me permitir sonhar, descansar, escrever. Tem tempos que não escrevo pelo simples prazer de escrever.

Fosse eu uma caneta estaria agora em andanças estapafúrdias por papéis incontáveis. Escritos, rasuras, reescritos, reconstruções, acertos gramaticais e ortográficos, talvez mais algumas rasuras e mais um novo papel passando tudo a limpo. Visto desta forma, podemos concluir que escritores não são nada ecológicos. Quantas folhas de papel Machado de Assis deve ter usado para construir Dom Casmurro? Nem precisamos ir tão longe (naquela época não havia tanto papo de ecologia e preservação do meio ambiente). Vamos tentar imaginar quantas folhas datilografadas o meu amado João Ubaldo Ribeiro utilizou em toda sua carreira de escritor/jornalista/roteirista e etc?... AFF! (está vivo, viu, galera? o verbo no passado é porque agora o meu amado usa computador). Seremos perseguidos pela Guarda Ecológica, no dia que inventarem alguma. Temos o computador, o que facilita bastante. Não é a mesma coisa que gastar folhas e mais folhas de papel mas cumpre bem o objetivo.

Falando em computadores, vou pular para telas LCD. Você tem uma dessas ou ainda está com aqueles monitores 'tubão'? Meu amigo, se seu monitor é 'tubão', não troque por um LCD nem que a porca crie asas. LCD siplesmente 'frita os olhos', como bem descreveu o Aurélio Verde (outro de meus amados fofos). Estou morrendo de saudades do meu monitor 17' tubão, que em nada se compara com um LCD 25'. A única vantagem do meu LCD é usar menos a barra de rolagem. A vantagem acaba aí. (meu filhote está me consertando, dizendo que meu monitor não é 25'; é um 23'. Que seja!).

A caneta, motivo deste post. Vamos imaginar juntos como seríamos se fôssemos simples e singelas canetas.... Uma caneta de bom-humor e boa vontade se descreveria assim, em seu uso:

Em meio a um sono estendido, de veias abertas ao vento que passa por fora de meu capuz encorpado, desperto de meus sonhos ao toque quente e úmido reconfortante de uns dedos vorazes. Como quem sabe o que faz, arranca-me o topete deixando-o à borda de meus pés.

Forçada, ao pé da folha, muito bem próxima de beijá-la mas sem que me permitam alcançá-la de fato, simplesmente aguardo. Os dedos, agora inquietos, sacodem-me de um lado a outro, provocando tonturas com as rápidas pancadas de vai-e-volta, tentando alcançar (ou quem sabe, encontrar) um algo que vaga no ar da insconciência palpável e indescritível, vindo da necessidade ardente de inventar. Aguardo assim a hora e o momento de traçar novos rumos e vidas, retratos em curvas, vírgulas e pontos, que só quem me guiará saberia dizer ao certo - ou não, exatamente o que são.

Inseguramente firme sou levada ao toque, ao beijo que principia o ato entre mim e à virgem que vejo deitada à minha frente, tão branca e pura e ao mesmo tempo maliciosa e arguta com suas linhas guiando ao caminho do clímax. Daqui ao ponto final, minha tarefa será obedecer aos desejos de quem me segura, em breve, aflita, voraz, sequiosa do último espasmo de satisfação plena.

Sigo. Plenamente desperta em meus instintos e funções, cumpro o dever de manter em ascendente a chama que me invoca o espírito. Subo e desço de colinas voluptuosas, vou e volto de picos eretos ao norte. Provoco nós, pingos e pausas; vou longe e perto da maturidade final. E engano.

Na ânsia, corrompo as linhas e sigo um tanto trôpega, além dos limites da velocidade que a sã sanidade anormal me permite. O ponto final chega com a força descomunal de mil Afrodites estarrecidas aos encantos de um monumental Apolo.

Numa pausa apenas, respiro fundo e atravesso do passado ao último futuro dessas derradeiras horas; riscando, refazendo, recompondo o acervo. Por fim, termino. Repouso agora quase esquecida. Usada, abusada, gasta e cansada, conservo comigo o prazer da coautoria invisível do mundo que criou vida. Mãos felizes voltam-me novamente o algoz capuz, descomunalmente pesado nesta hora. meu parto começa uma nova trilha levando meus traços... Sem fim.

AFF! Agora fiquei com fogo de caneta. Vou ali e já volto. :)

Bjs carinhosos

Parabéns às mamães que escrevem novas trilhas sonoras da vida. E aos homens que nos fazem tão plenamente mulheres.

Bjs carinhosos
Elida

Cadernos, canetas e livros

Alguém tem livros pra doar? De Língua Portuguesa (ensino fundamental) e de literatura (contos, poesia)?
E cadernos brochura, daqueles pequenos (A5, 15x21cm)? Preciso de 65 cadernos e 65 canetas (bic cristal azul ou similar).

São para um projeto social, no Lins.

Quem tiver, me avisa que indico o endereço para que possam enviar direto para a Instituição, ok?

Bjs carinhosos

O pequeno grande Japão

Todos devem ter ouvido sobre o terremoto e o tsunami no Japão. Não sei se repararam no posicionamento do governo japonês, frente a essas catástrofes e suas consequências; mais exatamente, no risco do acidente nuclear.

Naoto Kan, primeiro-ministro japonês não tem escondido nada, revelando a situação tal e qual ela se encontra. Acabei de ler uma notícia no Yahoo, onde ele diz que a situação está crítica, que tem risco disso e daquilo. Um espanto para nós, brasileiros, habituados a ouvir os famosos "a situação está sob controle" (mesmo quando estamos vendo que a realidade é o oposto disso), "já estamos tomando as providências" (quando agem, coisa rara) ou a mais usual de todas, as tais reuniões "para avaliar a situação e ver o que pode ser feito". Mais um ponto a favor do Japão: eles não falam que vão fazer isso ou aquilo - eles agem!

Quem dera o nosso Brasil pudesse aprender um pouco sobre governança, no quesito governo-povo...

Bjs orientais.

Orgulho de pertencer à minoria

Dados estatísticos retirados do site do Minstério da Cultura:

Apenas 13% dos brasileiros frequentam cinema alguma vez por ano - estou entre elas: Cinema e tevê, normalmente me dão sono. Gosto de curtas, acho que serve, não é?.

92% dos brasileiros nunca freqüentaram museus - adoro museus, estou na minoria dos 8%.

93,4% dos brasileiros jamais frequentaram alguma exposição de arte - Centro Cultural Banco do Brasil, o dos Correios, o da Justiça Federal... São lindíssimos, sempre com exposições belíssimas. Estou na minoria dos 6,6%, orgulhosíssima.

78% dos brasileiros nunca assistiram a espetáculo de dança, embora 28,8% saiam para dançar - não assistiram nem o Maracatu, grátis, na Lapa? Sou da minoria dos 22% que já assistiram.

Mais de 90% dos municípios não possuem salas de cinema, teatro, museus e espaços culturais multiuso - minha cidade tem mas isso é mais uma questão de política das prefeituras do que desinterese da população.

O brasileiro lê em média 1,8 livros per capita/ano (contra 2,4 na Colômbia e 7 na França, por exemplo) - estou na minoria, acima da média francesa.

73% dos livros estão concentrados nas mãos de apenas 16% da população - adoro ganhar, comprar, cheirar, manusear livros. Concordo.. sou um tantão egoísta com meus livros: não empresto. Peça-me dinheiro mas não me peça meus livros...

82% dos brasileiros não possuem computador em casa, destes, e 70% não tem qualquer acesso a internet (nem no trabalho, nem na escola) - esse dado é até difícil acreditar

56,7 % da população ocupada na área de cultura não têm carteira assinada ou trabalha por conta própria - trabalho por conta própria; sou minha chefa e não abro mão disso. Também não tenho do que reclamar...rs

Adoro ser uma pessoa rara! E você? :)

Bom Carnaval pra todos. Separei um monte de livros e vou tirar esses dias pra ler. Estarei totalmente off-tudo.

Bjs carinhosos