Começando a bater o bolo...

No próximo dia 2 de setembro, completarei 30 meses com este blogue - 2 anos e meio.

Meu primeiro blogue foi junto com uma amiga, onde travávamos disputas de frases e outras inteligências. Chegamos a atingir cerca de oitocentos visitantes mensais. Depois ela teve neném e tivemos que acabar com a brincadeira. Ganhei algumas amizades valiosas com este passatempo, alguns leitores aderiram.. Enfim, foi muito legal.

Passei a gostar da coisa e estive à frente da administração de nada mais, nada menos que 14 blogues. Entre esses, haviam apenas 4 que eu assinava como Elida Kronig. Cada um tratava de algum assunto que me despertava interesse, sempre acompanhado de algum trabalho literário do mesmo assunto. Num desses, fui "descoberta" por um mecenas espanhol que resolveu publicar um livro com minhas crônicas e contos. Passei um ano recebendo mensalmente alguns bons euros.

O único blogue de épocas remotas que ainda persiste online é do antigo space, do hotmail. Perdi a senha e, ao entrar em contato com o hotmail, pedindo para deletar o blogue, recebi resposta de que a conta de e-mail relacionada ao espaço estava em uso. Não por mim...

Atualmente bato um papinho apenas por este blogue. Abri espaço no Wordpress e tenho uma conta no Overmundo onde, apesar de não participar ativamente, é um espaço que tenho muito carinho. Em nenhum desses espaços tem algum trabalho literário meu. Para encontrá-los só visitando o Crônicas Cariocas. Estou devendo algumas novas publicações mas... tudo a seu tempo.

Apesar dessa pouca demonstração do meu trabalho, a lista de reserva de compra para meu primeiro livro em língua portuguesa, que está sendo editado em dois ricos volumes, anda competitiva. Restam poucas vagas, em torno de trinta apenas, mesmo sem nenhuma divulgação. Este fato surpreendeu-me porque, com as capas trabalhadas daquela forma, sei que o valor unitário de cada exemplar está um pouco acima do normal. Creio que os que o estão reservando têm consciência de que é um trabalho único e raro.

Um livreto digital, com algumas coisinhas minhas, editado exclusivamente para palm readers e outras novas tecnologias, lançado também sem nenhum alarde, teve três vendas num espaço de dez dias. Artigos publicados em jornais e revistas, foram republicados em outras revistas e jornais a convite dos próprios editores-chefes. Fui homenageada em Portugal, Moçambique, Argentina e Espanha. Fui publicada até pela rigorosa BBC de Londres.

Meu nome, tanto pelo trabalho voluntário quanto pelo literário, virou sinônimo de qualidade, competência, seriedade e bom humor. Sou PageRank3 na internet mundial.

Ainda não posso dizer que há motivos para grandes comemorações mas, com certeza, já é hora de separar os ingredientes para fazer um belo bolo, não acham?

Beijinhos carinhosos
Elida Kronig
Eu

2 comentários:

rita disse...

fala do livro
tipo assim.......onde comprar

Elida Kronig disse...

Oi, Rita.

Deixei meu e-mail: elidakronig.ek do gmail.

O contato do site Versos & Acordes também serve: versosacordes arroba gmail ponto com

Beijinhos carinhosos